Por que tantos tipos de Lipoaspiração?

Por que tantos tipos de Lipoaspiração?

Muitos pacientes me trazem questionamentos sobre os tipos de lipoaspiração, a cirurgia mais requisitada no Brasil e nos Estados Unidos, os líderes de cirurgia plástica em todo o mundo. É bem simples, todos os procedimentos chamados lipoaspiração têm o mesmo roteiro: 1) incisão de poucos milímetros. 2) injeção da Solução de Klein 3) uso de cânula para aspirar a gordura. Assim, atualmente todas as lipoaspirações podem ser chamadas previamente de hidro-lipos pois utilizam a solução de Klein, que entumece a gorduram, facilita o procedimento e elimina diversos riscos. Os nomes técnicos e que muitas vezes são usados comercialmente para “vender a cirurgia” dependem exatamente da cânula utilizada no procedimento, no passo 3: – Lipo ultrassônica: Nesse tipo de lipo, primeiramente se utiliza uma cânula com ultrassom na ponta, que liquefaz a gordura e facilita o procedimento posterior na retirada da gordura com cânula tradicional. – Lipo à laser: Na lipo à laser o procedimento se dá com uma cânula com laser na ponta que tem objetivo semelhante ao processo do ultrassom.   – O mesmo se aplica a vibrolipoaspiração, só que a cânula ao invés de usar laser ou ultrassom, utiliza a vibração para facilitar o processo. Em resumo, são diversas técnicas e o paciente não precisa se preocupar com o tipo de lipoaspiração que será submetido. A única coisa a se fazer é investir tempo na pesquisa para saber se seu cirurgião é competente. Se isso for feito e o procedimento se der obrigatoriamente em ambiente hospitalar, você pode se sentir seguro.   Outros posts que você vai gostar: Mamoplastia de aumento: o básico que você precisa saber Vias de Acesso: São...
Cirurgia Plástica para Ex-Obesos – Plástica Pós Grandes Perdas Ponderais em Niterói

Cirurgia Plástica para Ex-Obesos – Plástica Pós Grandes Perdas Ponderais em Niterói

A cirurgia plástica pós-bariátrica ou a plástica para ex-obesos é um conjunto de cirurgias plásticas para corrigir as alterações corporais após grande perda ponderal, mais notadamente a flacidez que é o resultado de toda grande perda de peso, que também pode ser decorrente de dieta natural, sem intervenção. Muito mais comum atualmente, a cirurgia bariátrica e a gastroplastia geram grande número de ex-obesos que têm na cirurgia plástica uma necessidade posterior para melhoria do aspeto estético corporal em várias regiões. O tratamento do ex-obeso é feito em etapas, onde se programa uma cirurgia para cada região. A realização de vários procedimentos em um único tempo cirúrgico não é bem vinda, já que as áreas que necessitam intervenção, apesar de variar de acordo com a quantidade de perda de peso e até mesmo com a genética do paciente, podem ser variadas, mais notadamente: mamas, abdome, dorso, braços, pernas, glúteos e face. Abdominoplastia em Ex-Obeso (Abdômen) Os excessos de pele e gordura que ocorrem após a gastroplastia são, no abdômen, não somente no sentido vertical (de cima para baixo), mas também no sentido circunferencial (ao redor, na cintura). Após nossa avaliação criteriosa decidimos juntamente com o paciente se a abdominoplastia será realizada pela técnica clássica (que trata apenas o excesso longitudinal), ou pela técnica em âncora, também denominada Flor-de-Lis. Esta última resulta em uma cicatriz em “T” invertido no abdômen, mas trata a flacidez tanto no sentido longitudinal, quanto no circunferencial. Esta técnica é reservada para os casos mais severos. A cirurgia plástica do abdômen pós-cirurgia bariátrica é realizada utilizando os mesmos princípios dos pacientes sem gastroplastia. Apresenta evolução usual independente da técnica utilizada, e tem a mesma...
Cirurgias Plásticas Combinadas

Cirurgias Plásticas Combinadas

Já há muito tempo a cirurgia plástica deixou de ser como era em diversos níveis. São tantas as mudanças que poderia escrever um artigo imenso sobre as evoluções técnicas e em cima dos resultados que se tornam a cada dia mais fiéis com o que a natureza, ou a força maior, chame ela de Deus ou por qualquer nome poderia entregar. Uma dessas revoluções está no avanço das combinações de diversas técnicas para se atingir um objetivo. Hoje não se pode mais falar de ritidoplastia pura e simplesmente, por exemplo. Normalmente uma pessoa que faz um lifting facial realiza também outros procedimentos cirúrgicos ou não, que combinados sim entregam um rejuvenescimento ideal e o mais natural possível. Em cirurgia plástica o que importa são os resultados e não o procedimento efetuado. Portanto, uma das dicas que dou a todos os pacientes é: não busque preço via internet, ou consultando amigos que tenham passado por uma cirurgia plástica. É impossível mensurar valor sem uma consulta pessoal, pois as técnicas impregadas podem ser diversas e não tem um valor único, mas agregado. As principais combinações de procedimentos? Listo aqui 5 dos mais executados: Lifting Facial + Blefaroplastia: Essa combinação é quase um clássico, juntando a diminuição das rugas e sulcos faciais com a retirada de bolsas e pálpebras que encobrem os olhos. Masmoplastia + Abdominoplastia: Uma combinação de técnicas muito efetuada por mamães que tiveram seus filhos e que pretendem tenha sido o último. Restabelece a firmeza abdominal, elimina a flacidez e pode elevar as mamas caídas ou aumentá-las para preencher volume e até mesmo reduzir as mamas para que elas...
Redução do “Monte de Vênus” – Plástica do Monte Púbico em Niterói

Redução do “Monte de Vênus” – Plástica do Monte Púbico em Niterói

O Monte de Vênus Na anatomia humana ou nos mamíferos em geral, o monte púbico (latim, mons pubis) é o pequeno monte de tecido adiposo presente na região acima dos órgãos genitais, em especial no sexo feminino, anterior à sínfise púbica. A região se eleva devido a um acúmulo de gordura sob ela, que protege o osso púbico do impacto no coito. Em algumas mulheres, no entanto, a proteção natural de gordura se eleva de forma exagerada, se tornando muito proeminente e causando desconforto visual e constrangimento em roupas de banho e até mesmo sob calças jeans ou leggings de ginástica. O Procedimento  Nos casos mais simples da redução de Monte de Vênus,o cirurgião plástico promove uma lipoaspiração, que é o suficiente para retirar o excesso de gordura localizado da região. Como em todas as lipos, as incisões são mínimas estrategicamente localizadas geralmente na linha do biquíni. Em alguns casos de flacidez pode ser necessária uma ressecção de pele, originando uma cicatriz maior, parecida com a da cesariana, porém mais escondida e menor. Anestesia Anestesia local, com ou sem sedação ou peridural. Pós operatório A paciente recebe alta entre 12 e 24 horas após a cirurgia. O resultado definitivo é alcançado depois de 6 meses e as dores podem ser controladas por analgésicos comuns. Relações Sexuais As relações sexuais devem ser evitadas nas primeiras duas semanas. Sensibilidade Não existe intervenção no clitóris ou em qualquer estrutura sexual nesta cirurgia, portanto a sensibilidade não é alterada. Complemento O jornal O Globo tratou do assunto em matéria: Monte de Vênus: gordurinha acima da púbis: a nova obsessão do corpo feminino Deixe seu melhor e-mail...
Por que algumas mulheres têm culotes e outras não?

Por que algumas mulheres têm culotes e outras não?

A Lipoaspiração de culotes é a técnica recomendada e extremamente benéfica para mulheres que acumulam gordura na região. Mas você sabe por que algumas mulheres têm culotes e outras não? É simplesmente uma questão genética!   O acúmulo de gordura localizada em regiões específicas do corpo, sejam ela os culotes, a barriguinha, os braços, as pernas ou qualquer outra região, são uma escolha da natureza. Os adipócitos, que são as células responsáveis por acumular gordura são distribuídos no corpo por fator hereditário, e quem não é privilegiado pela distribuição uniforme dessas células, pode sofrer com uma forma corporal avantajada em alguns locais específicos.   E são muitos os que sofrem com essa “má distribuição”. Para essas pessoas a cirurgia de lipoaspiração é recomendada, pois consegue através de finas cânulas e pequenas incisões, fazer a retirada da gordura de locais bem específicos do corpo. Com a retirada da gordura localizada, que nada mais são que os adipócitos, o local se torna menos rico neste tipo de células e sim, a região torna-se mais difícil de acumular gordura, o que não significa que o paciente esteja desobrigado de manter sua dieta após a cirurgia, pois o corpo é capaz de se adaptar e com os exageros alimentares os resultados podem sim ir por água abaixo. Deixe seu melhor e-mail e receba apenas 1 e-mail mensal com novidades (sem...
Lipoaspiração e lipoescultura em Niterói

Lipoaspiração e lipoescultura em Niterói

Existe uma certa confusão entre os termos lipoaspiração e lipoescultura. Geralmente, eles são conceituais e pode-se dizer que se trata da mesma conduta. A lipoaspiração é o recurso utilizado para a confecção da lipoescultura (independentemente se realizada somente a retirada da gordura ou a sua reintrodução em outras áreas). Existem informações errôneas quanto a lipoaspiração, geradas por casos excepcionais de pacientes operados em condições adversas à normalidade. Deixe que seu cirurgião plástico o(a) informe sobre a conveniência de associá-la a outra (s) cirurgia (s) e pondere bastante sobre as vantagens e desvantagens de tal associação. Lipoaspiração: Trata-se de uma cirurgia para retirada de gordura de áreas específicas do corpo – queixo (“papo”), mamas, abdômen, flancos (“pneus”), cintura, costas, nádegas, coxa e joelho. A lipoaspiração não é um substituto das dietas, mas promove a remoção das gorduras que não respondem aos tratamentos de emagrecimento ou aos exercícios físicos. A cirurgia é realizada através de uma incisão milimétrica por onde é feita a aspiração da gordura indesejada. A quantidade de gordura aspirada varia de acordo com a região e as necessidades de cada caso em particular. Lipoescultura: Através da lipoaspiração e da lipoinjeção, que correspondem respectivamente à retirada e colocação de gordura em determinadas regiões do corpo, podemos “esculpir” o contorno corporal conforme a necessidade. Na lipoescultura, retira-se depósitos de gordura que não cedem nem mesmo com regimes alimentares ou exercícios físicos e transfere este material para regiões que necessitam de um aumento de volume ou atenuação de depressões ou sulcos, obtendo um perfil corporal bastante harmonioso. A lipoescultura é realizada com uma milimétrica incisão por onde é introduzida uma cânula...